START TYPING AND PRESS ENTER TO SEARCH

NEUROHEALTH

CENTRO DE MÉTODOS BIOLÓGICOS EM PSIQUIATRIA

É pioneiro na utilização da Estimulação Magnética Transcraniana no Rio de Janeiro. Com uma equipe composta de profissionais com ampla experiência na área, o Centro de Métodos Biológicos em Psiquiatria é atualmente uma referência no tratamento de transtornos do comportamento.

ESTIMULAÇÃO MAGNÉTICA TRANSCRANIANA

O que é Estimulação Magnética?

A estimulação magnética trascraniana é uma terapia que consiste na medição da área do cérebro diretamente ligada ao problema a ser tratado e emissões de correntes eletromagnéticas sobre o local sem o uso de sedação ou anestesia. A EMT também não produz nenhum tipo de desconforto, dor e efeitos colaterais durante e após a aplicação.

Como surgiu?

Existem relatos sobre os efeitos do magnetismo desde 1600 escritos por William Gilbert mas foi em 1985 que o cientista e professor Anthony Barker desenvolveu o primeiro dispositivo de estimulação magnética transcraniana não invasiva. Os estudos estavam sendo conduzidos juntamente com o então estudante Reza Jalinous pelo fato de não causar dor como a estimulação elétrica.

A estimulação magnética está aprovada para tratamento clínico?

O Conselho Federal de Medicina (CFM) aprovou, pela resolução CFM 1.986/2012, o uso da estimulação magnética transcraniana. A técnica pode ser utilizada para o tratamento de depressão e de alucinações auditivas residuais. Existem pesquisas que atestam resultados promissores no tratamento do Mal de Parkinson, dor crônica, transtorno obsessivo compulsivo, tinidos, transtorno bipolar,discinesias, compulsões (jogo, sexo, drogas, compras, autoflagelo), reabilitação após lesões do sistema nervoso central, Síndrome de Tourette.

Quais são as indicações?

Confira no ícone Vídeos as entrevistas da Dra.Julieta Guevara sobre todas as possibilidades de tratamento oferecidas pela Estimulação Magnética Transcraniana como para dôr crônica. Conheça mais também sobre os métodos biológicos em psiquiatria como a eletroconvulsoterapia.

ENTREVISTA COM DRA. JULIETA GUEVARA

SALA DE IMPRENSA

ONDE ESTAMOS